Mentes Plastificadas!

Gente, na boa, eu acho o fim do mundo uma pessoa torcer o nariz para certos tipos de música, só por que não fazem o seu "estilo". Preconceito nos dias atuais? Não rola pessoal!! Não dá mesmo!!! Claro que você não precisa gostar de tudo, mas ao menos tentar ouvir, tentar entender primeiro antes de julgar. Expandir a mente, ampliar horizontes, se dá o direito de conhecer coisas novas... Não concordo quando dizem: "eu sou rockeiro e ponto!". Gente, eu AMO música, e meu estilo preferido é o Rock, mas não me rotulo apenas como rockeira, vou do rock ao samba num piscar. Detesto quando me aparece alguém dizendo: "eu ODEIO essa banda!", ou, "não acredito que tu gosta desses caras...!?!", ou, "não acredito que tu vai no show dele...!!" antes mesmo de conhecer o trabalho dos caras direito. Tá certo, tá certo. Ninguém é igual... Mas que eu iria CORRENDO ver o :


Alceu Valença

Já vi, e estou pronta para ir aos próximos 55 shows caso calhe cair por essas bandas. O trabalho de guitarras do Paulo Rafael é um show à parte.



14 Bis

Progressivo de primeiríssima qualidade! Com sabor de Minas... Tudo emoldurado por um dos mais belos e eficazes trabalhos de vocalização desse país de merda.




Armandinho

O pai criou o conceito do Trio Elétrico... Os filhos correram atrás. E de todos eles quem subiu mesmo no caminhão foi o Armandinho. Com uma guitarra baiana nas mãos o homem vira o Satanás. Com um bandolim, um anjo.


Demonios da Garoa

Esses não vi, mas se tivesse a oportunidade de vê-los um dia, passaria todo o show chorando aos urros! A despeito da longa trajetória (é o conjunto vocal com mais tempo de existência NO MUNDO), o Demonios ainda mantém o desenho ritmico e harmônico original.


Chico Correa e Eletronic Band

De João Pessoa... pois é... nem é lá da casa-do-caralho... Daqui mesmo.... Sob meu parco juízo UM DOS TRABALHOS MAIS CRIATIVOS QUE JÁ SE PRODUZIU NESSE ESTADO. Techno-progressivo- free jazz-regional... Tudo junto. Uma maravilha. Destaque o sax do gringo, um tenor maravilhoso (o sax, não o gringo). Trabalho criativo sem a pieguice ou a "folkilorisse" besta que assola...deixa quieto que essa ia doer... hehehehe. FANTÁSTICO GRUPO!!



Edu Ardanuy

O Edu é um dos caras do Dr. Sin e um dos maiores guitarristas verde-amarelos. Sem sombra de dúvidas, ele está entre os meus prediletos na minha listinha de melhores guitarristas. Muito técnico, o Edu não se deixa levar por firulas malabarísticas de escalas em sacrifício do feeling. Esse seria um show pra ir de babador.



Cauby Peixoto

Já tô vendo neguinho torcendo o nariz e rindo. Pois pode torcer a fuça que esse aqui eu iria ao purgatório pra ouvir. Fora dos limites do erudito É A VOZ MASCULINA MAIS TÉCNICA DO BRASIL. Belissimo timbre, forte e encorpado, o Cauby teve uma carreira internacional em reconhecimento a sua competência como solista. Quem pensa que ele é so "conceiçãããããõoooooo" nao conhece música e nunca ouviu o cara fazer "Luiza" do Tom Jobim ou "Cheek to Cheek" (lembram do Fred Astaire???).



Quinteto Violado

Extensão do Movimento Armorial, o Quinteto faz música do sertão explorando todas as suas nuances e com uma competência de encher os ouvidos. O som é PROGRESSIVO (pode ciscar, mas é) sem quase nada na tomada. Meu irmão, até hoje quando vejo um monte de cabeludinhos pulando no palco, escravos da percussão e do folguedo me dá uma vontade de rir e não parar mais... Pronto. Acabou o mistério. Porque diabos não adianta me convidar pra assistir a shows de bandas e intérpretes novinhos ligados à musica regional (no caso nordestina)? Taí uma das causas. EU JÁ OUVI E JÁ VI O QUINTETO VIOLADO. É massa demais gente!!!


Celso Blues Boy

AÊÊÊÊÊÊÊÊÊ.....

"...lembra os nossos corpos nus / a isso chamam blues..."...
A primeira música que ouvi do cara foi "Dry Blue Jeans" (não é esse fragmento acima não). Estava na casa do Tibério - amante da música e amigo do peito - quando me deparei com um som que me era desconhecido.  Perguntei de quem era. Pronto. Conheci o Celso e comecei a namorar com a guitarra Strato. Blues e Rock'n'Roll de primeirissima qualidade, clássico até umas horas.



Chico Buarque

SEM COMENTÁRIOS!



Pholhas

Também já vi. Claro que o que assisti foi o que sobrou do grupo original. Eu queria mesmo era ter visto os caras fazendo, além dos seus clássicos , o album progressivo em português ... uma raridade (eu tenho , eu tenho ,.... heheheh). Vou morrer ouvindo "She Made Me Cry" e que se foda quem se diz cult...


E para aqueles que não gostaram do meu "gostinho":
Xiuuuu! Não é você quem paga minhas contas! (tem uma boa dose de sarcasmo nisso, espero que sintam)
hehehehehehe...

Bjoka's e até!
;)

5 comentários

  1. Nossa! Vc tocou no meu ponto fraco, adoro d+...
    Não esqueça de me chamar pra irmos juntas, pois eu também não perco de jeito nenhum. Esses sons estão incluídos em minha lista.

    Bj

    ResponderExcluir
  2. Pois saiba que ue ameii esse seu "gostinho".

    Amo Alceu valença. Não resito a sua canção " Girassol" rsrs.

    Bjão

    ResponderExcluir
  3. AÊÊÊÊÊÊÊÊÊ!!! heheheheh....
    Valeu Tatá! ;)

    ResponderExcluir
  4. Olá Kerly,
    Espera aí, deixa eu recuperar o fôlego para começar a comentar.................ufa...pronto!
    Meu, que baita postagem! Inteligente, sem preconceito e de extremo bom gosto.
    Confesso pra você que só não conheço Chico Correa e Eletronic Band. Como é indicado por você, vou pesquisar sobre os caras.
    É exatamente isso o que penso: não podemos ser roqueiros e gostar de outros estilos? Claro que sim. Rock é cultura! Música é cultura! Basta ter qualidade.
    É evidente que a minha praia é o rock and roll, mas nada me impede de ouvir todos os nomes que você citou aí.
    Você lembrou do Quinteto Violado!!!!!!!
    Celso Blues Boy, um puta guitarrista.
    O Edu? Outro ótimo guitarrista. Por sinal, estive em Dezembro com o companheiro de banda dele, o Andria Busic. Não o conhecia pessoalmente e além de um ótimo baixista é um cara do bem.
    14 Bis!!!! Originou-se de uma dissidência da super banda de rock progressivo, O Terço. Flávio Venturini e Sérgio Magrão.
    Se não me engano, o Flávio já não está mais com o 14 Bis há alguns anos. Segue carreira solo.
    Mas enfim, olha, fico contente de entrar no seu blog e encontrar uma postagem como essa.
    Qual o problema em gostar de Cauby?
    E pra completar, você ainda me diz que torce pelo Fluzão, como seu pai e seu avô!
    Kerly, obrigado mesmo pelas palavras lá no blog.
    Você tem postura, opinião e atitude!
    Merece todo sucesso.
    Beijo
    e
    Saudações Tricolores.

    ResponderExcluir