Trecho de Quinta #13



“Eu não gosto de montanha-russa, o brinquedo, mas gosto de montanha russa, a vida. Isso porque creio possuir um certo grau de responsabilidade que me permite saber até que altura posso ir e que tipo de tombo posso levar sem me machucar demasiadamente: alto demais não vou, mas ficar no chão o tempo inteiro não fico.”
Martha Medeiros – Non-Stop.

Um comentário

  1. texto legal!
    eu nao gosto de motanha russa brinquedo e acho que da vida tb nao
    nao sou mt fã de surpresas, sejam boas ou ruins ^^

    bju
    Letra com asa

    ResponderExcluir