Eternamente Filha de Jó

Hoje, depois de 10 anos da minha iniciação, me resta uma saudade imensa das minhas meninas...
Aquela alegria em cada novo encontro, aquela ansiedade antes de toda e qualquer cerimônia, aquelas lágrimas que eram derramadas durante as mesmas, sempre com muita emoção.
Meu Robe está guardado no meu armário, já não o visto mais. Minhas sapatilhas empoeiradas, minha tiarinha... Já entreguei minha capa e coroa de Honorável Rainha, agora, Membro de Maioridade e com título de Past, guardo todas as minhas lembranças no coração, com esperanças de um dia poder voltar e fazer o que sei de melhor... Não consigo me lembrar de minha Ordem, do meu Bethel sem que meus olhos se enxam de lágrimas, lágrimas brancas...

Sabem, esse é o tipo de sentimento que poucos conhecem. Só uma verdadeira Filha de Jó entenderia de verdade o teor das minhas humildes palavras. 
Consigo sentir o cheiro do Templo, a emoção de adentrar naquele universo mágico e lindo, é só colocar uma de nossas músicas para tocar...

Minha querida May Lima, irmã sempre amada e admirada por mim e por todas do nosso Bethel, transformou o amor das Filhas de Jó em lindas palavras.

SINTAM!



Me lembro que do lado de fora eu tinha que esperar
e que tudo lá dentro silenciava.
Era intensa a minha ansiedade e desejo.
Eu me lembro que queria pra sempre me lembrar
daquele tão esperado momento.

Chegou a hora e quando abriram-se as portas
meu coração disparava
e vinha em mim uma intensa alegria
e dentro da alma eu já sentia
que eternamente Filha de Jó eu seria!

Eu me arrepiava a cada palavra que ouvia
e cada lição vinha para me encantar.
A cada segundo uma vontade de chorar,
pois a alegria que eu sentia
nunca poderia explicar.
Me derramei em lágrimas e senti a paz em mim
e uma garra tão forte de na vida ir até o fim.

"Agora somos irmãns", uma me dizia
E eu deveria ser fiel a tudo que ouvia
ser verdadeira e amiga, ter boas companhias.
E minha emoção só fez aumentar
e eu hoje ainda não sei explicar
a paz que veio me habitar
o amor que veio me transformar...

"Amem tudo isso", era isso que eu escutava,
"Esqueçam as tristezas", fortemente outra falava.
Com um brilho nos olhos alegremente cantavam
E sorriam para mim com um imenso carinho
Então eu disse para mim baixinho:
É sublime meu Pai, é tudo que sonhei
E em tão pouco tempo, muito já plantei
Pude chegar ao céu, e lá do alto gritei:
ETERNAMENTE FILHA DE JÓ EU SEREI!

(Mayara de Miranda Lima)









Kerlywainne Maciel
Membro de Maioridade e Past Honorável Rainha
Bethel # 001 - Princesas do Sertão
 Cajazeiras - PB

Um comentário

  1. Linda Filha, parabéns pelas lindas palavras. Conseguiste comover a mim, que não a conheço. Você conseguiu traduzir o sentimento de Filha de Jó que realmente tem amor à Ordem. Como mãe de FDJ e PGB, sinto que este amor em mim é latente mesmo estando afastada por alguns anos. Recordo-me do tempo em que estive ativa, ao lado de jovens valorosas que, com igual entusiasmo fizeram sua parte com o mesmo esmero e carinho. Bj grande em seu coração. Tia Rosí - PGB#01 e #10 - Rio de Janeiro

    ResponderExcluir